FANDOM


Gultar é um semideus e mestre de Percedal. Ele é dono do título de "guerreiro mais poderoso do Mundo dos Doze".

HistóriaEditar

Antes da sérieEditar

Gultar é o filho do deus Iop e uma mulher Iop chamada Cabotine. A maioria do passado de Gultar é destaque em um pequeno filme chamado "Goultard, le Barbare" explicando como ele se tornou um avatar do caos e da destruição, mas o curta também dá uma versão parcialmente diferente de sua história: Ele, por exemplo, não mencionou que Gultar criou magicamente outras personalidades "para tornar a eternidade suportável" ou que ele foi em algum momento de sua vida poligâmico.

Uma das personalidades alternativas de Gultar era um lunático psicótico e violento chamado Dark Vlad.

1ª temporadaEditar

Gultar aparece pela primeira vez como um Iop ridiculamente poderoso que também é o mestre de Percedal. Ele supostamente retornou do túmulo para ajudar seu pupilo, ensinando-o a controlar Rubilax (depois de executar a dança humorística que é um ritual dos Iops) devido à sua perda de controle que resultou nele machucando e quebrando o arco de Evangelyne.

2ª temporadaEditar

Gultar aparece para confrontar Rushu no arquipélago da Garra Púrpura junto com Percedal, o resto da Irmandade do Tofu (sem Yugo que está enfrentando Qilby), e a marinha de Nova Sufokia. Durante a batalha com Rushu, é revelado que Gultar se tornou o novo deus Iop quando ele dá uma cabeçada tão poderosa em Rushu que literalmente afunda a área ao redor de ambos e deixa Gultar de pé diante dele banhado em energia dourada. Confrontado com o poder do novo deus Iop, Rushu reúne todos os Shushus para ele (exceto os que estão selados em objetos) e "come" eles. Agora com seu poder aumentado, Rushu é capaz de derrubar Gultar. Percedal e Evangelyne intervêm permitindo que Gultar se recupere, pegue Rushu e salte para o céu, mandando os dois através do portal para Shukrute antes que ele se feche. Pouco antes do salto, Gultar nega a Percedal a chance de segui-lo e se refere a ele como "papai", para sua grande confusão. Isso fez Percedal acreditar que logo será um pai, mas a verdade é que Percedal é a reencarnação de seu pai, o primeiro deus lop.

OVAEditar

Gultar vence a batalha contra Rushu mas não volta de Shukrute (o reino dos Shushus). Ele sente Percedal usando seu poder divino e contata-o telepaticamente para explicar que Percedal é a reencarnação do deus Iop.

Mais tarde, ele percebe que Percedal perde o poder após perder seu braço direito para um dragão e ao perceber a situação de que o Mundo dos Doze está em perigo de destruição iminente através de um meteoro, ele telepaticamente fala com Yugo através de Percy, dizendo a Yugo para abrir um portal para o Shukrute.

O plano funciona e, embora ele se ofereça para ajudar Percedal a restaurar seu braço, Percy se recusa, não querendo o cargo de deus Iop, pois ele só queria voltar para sua família. Gultar aceita e decide permanecer como o novo deus Iop. Ele é confiado a guardar os dofus Eliatropes por Yugo, e mais tarde, assiste ao casamento de Percedal e Evangelyne.

3ª temporadaEditar

Em algum momento, Gultar foi atacado por Adamai e Oropo, que conseguiram tomar os dofus eliatropes dele e o forçaram a regredir à sua personalidade alternativa de Dark Vlad, transformando-o em um desafio para a Irmandade do Tofu na Torre dos Sonhos.

PersonalidadeEditar

Gultar é um orgulhoso guerreiro Iop, mais do que qualquer Iop costuma ser. Ele é teimoso, confiante, tem um senso de humor peculiar, ousado e descarado, e nunca se esquiva de um desafio.

Embora ele tenha uma série de idiossincrasias, Gultar é mais esperto do que a maioria das pessoas espera de Iops e pode realmente pensar em boas estratégias de batalha, graças à sua longa e conturbada vida.

Já sua personalidade alternativa, Dark Vlad, é composta de todas as suas más qualidades exageradas. Sua peculiaridade se torna loucura, sua grosseria se torna mais vulgar, sua indolência se torna preguiça, seu amor pela batalha se transforma em sede de sangue.

Poderes e habilidadesEditar

Aclamado como maior guerreiro que o mundo já viu, seu potencial é equivalente ao dos deuses:

  • Poderes Divinos: A proeza física de Gultar é igual a de um deus, tornando-o incrivelmente forte e rápido. Algumas vezes ele mostrou do que é capaz, como quando atravessou quilômetros em mar aberto com alguns pulos, levantou objetos muito maiores e mais pesados que ele e sobreviveu a quedas ou outras situações perigosas que facilmente matariam um mortal.
  • Mestre no combate: Gultar é um mestre em combate corpo-a-corpo, utilizando um estilo de luta pouco ortodoxo que é incrivelmente eficaz, permitindo que ele supere facilmente quase qualquer oponente, incluindo Rushu.
  • Invocação da "Espada": Gultar é capaz de manifestar uma espada conhecida simplesmente como "a Espada" de seu braço direito. Esta espada tem uma lâmina quebrada e uma longa corrente conectada ao cabo enquanto a outra extremidade é enrolada no braço de Gultar. Ele empunha com incrível habilidade e destreza, tanto como uma lâmina como uma arma de amarração ou mangual. A corrente se mostrou forte o bastante para segurar quase qualquer um.

Gultar no jogoEditar

Gultar pode ser encontrado nas Montanhas de Astrub, treinando Percedal.

GaleriaEditar